8 de set de 2007

TRAIÇÕES

“Quem me dera ao menos uma vez, Ter de volta todo o ouro que entreguei a quem, Conseguiu me convencer, Que era prova de amizade, Se alguém levasse embora até o que eu não tinha” Tarde gente! Tudo certo com vocês? Comigo está tudo certo, embora eu esteja um pouquinho revoltada com a vida. Motivo? Não consigo entender certas atitudes de algumas pessoas. É incrível como hoje em dia não podemos confiar nem na nossa própria sombra. Quando você menos espera, alguém te apunhala pelas costas de um jeito que nunca imaginamos que aconteceria. Pois é. Famigeradas amizades. Até que ponto podemos confiar em outro ser humano?

Nenhum comentário:

online